Language
home » têxtil »

Negócios

Tamanho do texto  A A A
Compartilhar

De Época: ETE - Estação de tratamento de efluentes na indústria têxtil

 

Nos dias atuais, a conscientização de que a despoluição de nossos rios é muito mais cara e difícil que o tratamento dos efluentes originados em nossas indústrias, é imperativa e imediata.


 

Helio Shimomoto é engenheiro têxtil formado pela FEI/ SP, bel. em Administração de Empresas pelo Mackenzie/SP, perito judicial e prof. da disciplina "Tratamentos de águas e efluentes" na FEI.

Atualmente presta consultoria aos clientes da Huayro, nos áreas de tinturaria e lavanderia. Dando ênfase ao caso da indústria têxtil, a maior parte destes efluentes são provenientes do setor de beneficiamento ou seja, das tinturarias e das estamparias.





 

Nem sempre as águas fortemente coloridas, provenientes de uma tinturaria são prejudiciais, haja visto que, raramente, os corantes apresentam um aspecto tóxico maior que os microorganismos que vivem nas águas e até mesmo no corpo humano. Contudo, o impacto psicológico causado por uma quantidade mínima de corante, que confere uma coloração intensa à água, é muito grande.

A variação da cor das águas pode ser causada por:
a) materiais vegetais em decomposição;
b) algas microscópicas;
c) produtos de oxidação, tais como o ferro e o manganês;
d) resíduos de tinturaria.

Classes dos corantes

Os corantes utilizados em uma indústria têxtil podem ser divididos em:

    * solúveis na água:

    * reativos

    * ácidos básicos

    * diretos

    * metalíferos

    * insolúveis na água:

    * a cuba

    * ao enxôfre

    * azóicos

    * dispersos

    * pigmentos

    * oxidantes

Além disso, estes corantes podem ser classificados em orgânicos ou organometálicos, inorgânicos e biodegradáveis ou não. Apesar da grande maioria dos corantes não ser muito tóxica, suspeita-se que alguns produtos intermediários, e até mesmo a matéria-prima utilizada na fabricação dos corantes têxteis, sejam responsáveis pela incidência do câncer em alguns colaboradores de certas indústrias químicas.

Tipos de tratamento

A natureza dos tipos de tratamento utilizados no descoloração das águas residuais dependerá do grau de qualidade exigido (consumo humano ou industrial):
a) da natureza das substâncias corantes presentes no efluente;
b) da natureza de outras substâncias (tensoativos, matérias Tóxicas)
c) área disponível para instalação da ETE;
d) vazão do efluente.

Podemos utilizar os tipos de tratamento a seguir descritos.

- Oxidação biológica (ou processo de degradação biológica)
Atua sobre as matérias orgânicos coloidais e dissolvidas, na presença ou não de oxigênio. Permite uma eliminação parcial das matérias corantes solúveis e insolúveis.


- Oxidação química
A função principal dos oxidantes químicos para o tratamento das águas é sua esterilização, ou seja, a destruição dos germes patogênicos.


O principal agente destes produtos químicos são o cloro e seus derivados. Entretanto , o ozônio também é utilizado, já que permite ações complementarias na destruição de um grande número de micropoluentes, na melhoria dos gastos e dos cheiros e na destruição da cor.

O ozônio (03) é um gás natural, tóxico, estável na alta atmosfera e filtro solar dos raios U.V., e só não oxida o ouro e a platina. Inicialmente sua utilização era restrita ao ataque anti-vírus e anti-bacteriológico. A ozonização, quando usada como técnica de afinagem, é o processo ideal para a destruição dos corantes.

Os tratamentos ao cloro e ozônio, terão como objetivo atacar a estrutura dos materiais, favorecendo a criação de um estado menos estável, facilitando a precipitação, absorção e degradação do corante.

- Oxidação fotoquímica
A ação da energia radiante sobre um material envolve transições, tanto em nível eletrônico como em nível molecular, em função do tipo de irradiação luminosa e da constituição química do material. Ocorre uma fotodegradação do material através dos raios U.V., que é facilitada na presença de oxigênio.

- Tratamento de clarificação
Constitui-se basicamente de uma floculação e decantação dos corantes insolúveis, que se apresentam sob a forma de colóides e dos corantes solúveis. Cerca de 80 a 90% da cor dos efluentes podem ser removidos com o uso de coagulantes como o sulfato férrico Fe (S04 )3, o sulfato de alumínio A12(S04)3 e o sulfato de cálcio CoS04 .

Contudo, quando o efluente coagulador mostrar pouca eficiência à decantação, devido à natureza dos flocos leves demais, é possível usar o tratamento de coagulação-flutuação. Neste caso, num líquido contendo bactérias em suspensão, é provocado um fluxo ascendente de bolas gasosas, capazes de captar à passagem, as partículas sólidas e arrastá-los para a superfície livre do líquido, onde serão extraídas mecanicamente.

O Tratamento por carvão ativo

A epuração pelo carvão ativo é fundada sobre a adsorção, que é um fenômeno no qual os átomos ou as moléculas de um corpo se fixam na superfície de uma outra substância. Trata-se de uma complementação dos processos anteriores, a fim de reter os poluentes não eliminados. Para a fabricação do carvão ativo podem ser utilizadas cascas de frutas (coco), madeira, hulha, turfa (combustível natural rico em restos vegetais, formado em águas paradas, com ausência de processos oxidativos), resíduos vegetais, carvão betuminoso e lignita (estágio intermediário entre a turfa e carvão betuminoso), sendo obtido em duas etapas:

a) carbonização: que afasta do composto as matérias voláteis por decomposição térmica a temperaturas em torno de 700°C, desenvolvendo superfícies porosas de 5 a 6 m2/g;
b) ativação: para aumentar ainda mais a área de absorção, oxida-se o composto a temperatura elevada ou seja, cerca de 1000°C, na presença de vapor de água ou em uma mistura de C02 ou oxigênio, obtendo-se então uma multiplicação e um aumento de volume e diâmetros dos poros para 2000 m2/g.

A regeneração é quase obrigatória, devido ao alto custo deste produto, já que sua utilização tende a fazer diminuir sua capacidade de adsorção até a saturação dos poros.

Podemos utilizar três tipos de regeneração:

a) térmica: o carvão é elevado a altas temperaturas, para volatilizar os poluentes adsorvidos; contudo, a porosidade é modificada;
b) química: trata-se da extração de sólidos por meio de uma lavagem a água ou com solventes orgânicos ou por reações de ácidos básicos (óxi-redução);
c) biológica: utilizada apenas para compostos saturados por moléculas biodegradáveis e antes da regeneração térmica, com intuito de prolongar sua vida útil.

O carvão ativo é eficiente para a descolorir águas contendo corantes reativos, básicos, ácidos, azóicos e metálicos, que não absorvem os sólidos em suspensão nem corantes insolúveis.

Ultrafiltração e osmose inversa

A ultrafiltração e a osmose inversa são dois tratamentos de refinamento de filtração, que constitui-se da separação, em fase líquida, pela passagem da solução por uma membrana semi-permeável e seletiva, sob a ação da pressão, onde separa-se o soluto do solvente.

A principal vantagem da osmose inversa, é a possibilidade de separar o soluto do solvente e reutilizá-lo. No caso da ultrafiltração, é a possibilidade de remover a cor dos efluentes e recuperar os óleos utilizados em uma tinturaria de malhas, que provocam problemas no tratamento biológico.

Conclusão

A descoloração de um efluente de uma tinturaria é muito complexa e depende dos inúmeros fatores já citados. Contudo, para uma melhor eficiência no tratamento de eliminação de corantes, devemos combinar os tratamentos físico-químicos e biológicos.


 

 

Review: Você esta tendo a oportunidade de conferir um pouco do conteúdo armazenado em área restrita. Torne-se assinante do Portal Textília.net e confira todo o conteúdo armazenado nos ultimos 20 anos.

O Portal Textília.net não autoriza a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo aqui publicado, sem prévia e expressa autorização. Infrações sujeitas a sanções.

Por: Hélio Shimomoto

Data de publicação: 01/09/1992

Conteúdo relacionado


ARCHROMA investe em corantes eco friendly
Archroma, um líder global em corantes e especialidades químicas, apresenta sua nova cartela de cores EarthColors, com uma gama de corantes inspirados na natureza e comemora sua indicação para a lista de candidatos ao Prêmio 2015 de Inovação pela ICIS Chemical Business magazine.  2015-09-03 - Tags: archroma earthcolors icis chemical business industria química

ABIMAQ desempenho do setor em julho de 2015
ABIMAQ divulga dados sobre o desempenho do setor de máquinas e equipamentos no mês de julho de 2015.  2015-08-28 - Tags: abimaq desempenho economia dcee

Produtos para máquinas têxteis rotativas em MG
A SPGPrints iniciou em julho as atividades da nova unidade da empresa, localizada em Contagem, Região Metropolitana de Belo Horizonte, e aumentou sua capacidade de produção e venda de cilindros gravados para máquinas têxteis rotativas, já que será focada nesta ação, principalmente nas linhas Random e Nova, tintas, serviços de gravação, assistência técnica e engenharia de aplicação de impressão têxtil. O foco da unidade é atender, principalmente, a região de Minas Gerais, Norte e Nordeste, que são importantes polos na área têxtil do Brasil.  2015-08-24 - Tags: spgprints minas gerais norte nordeste contagem cilindros gravados maquinas texteis rotativas

Dilemas e contradições
Desenvolver-se no presente sem comprometer as gerações futuras, ou ainda, equilibrar de forma adequada os pilares Econômico, Ambiental e Social nas estratégias de negócios, passou a ser, para as corporações, a própria definição de Desenvolvimento Sustentável em sua atuação. Vitor Seravalli, relata os dilemas e contradições na sustentabilidade empresarial.  2015-08-11 - Tags: vitor seravalli sustentabilidade marketing consultoria

Tendências e tecnologia para Intima e Beachwear
Creora°, líder mundial de produção de elastanos, apresentou as tendências para a Primavera e Verão, lançadas na Interfilières, que aconteceu em julho 15 em Paris. A empresa Hyosung apresentou as novidade mas recentes em Swinwear, Beachwear e Moda Intima com peças que unem moda e funcionalidade.  2015-08-07 - Tags: hyosung swinwear beachwear moda intima creora interfilières verão17

Vestuário de proteção individual com conforto, estilo e sustentabilidade
As tendências do mercado de roupas profissionais estão causando um grande impacto sobre a indústria do vestuário de proteção individual. De acordo com um relatório na última edição da Performance Apparel Markets da companhia de informações de negócios Textiles Intelligence, estas tendências focam no conforto, design e sustentabilidade.  2015-08-05 - Tags: proteção individual uniformes workwear sustentabilidade. uniformes de proteção

Solvay divulga resultados do segundo trimestre de 2015
O Grupo Solvay obteve um faturamento de 2,675 bilhões de euros no segundo trimestre de 2015, registrando um crescimento de 4,2 % em relação ao mesmo período do ano passado, segundo anúncio feito hoje (29/07) pela companhia. O REBITDA – lucro ajustado antes de juros, impostos, depreciação e amortização – subiu 8,1% no período, alcançando 500 milhões de euros.  2015-07-31 - Tags: solvay economia grupo solvay jean pierre clamadieu bruxelas

Fakini com novidades: lavanderia e equipamentos
Investimentos em máquinas italianas e produção interna de lavandeia têm como objetivo aumentar a produtividade. Empresa mantém a expectativa de crescimento de 15% este ano.  2015-07-23 - Tags: fakini pomerode lavanderia valmor wilhelms tingidos beneficiamento francis fachini

Primeiro Fashion Lab Audaces
Encontro da Audaces promove cultura colaborativa para fortalecimento do mercado da moda. Estratégias e boas práticas para disseminar informação e incentivar a inovação foram debatidas em encontro realizado em Florianópolis  2015-07-20 - Tags: audaces florianopolis fala comunicadores estilistas designers santa catarina moda cultura fashion lab fashion lab

ARCHROMA COMPLETA A AQUISIÇÃO DOS PRODUTOS DE QUÍMICAS TÊXTIL DO GRUPO BASF
E se consolida com a estratégia de empresa líder em especialidades Químicas para Têxteis. Archroma, líder global em especialidades químicas para têxteis, papel e setores de emulsões, anunciou hoje que fechou a aquisição dos negócios globais * de produtos de química têxtil da BASF. A aquisição solidifica a posição da Archroma como a líder global da indústria de produtos químicos e corantes para a indústria têxtil. Archroma é uma companhia de investimento privado da SK Capital Partners com sede nos EUA.  2015-07-01 - Tags: archroma grupo basf quimicas para têxteis têxtil química indústria alexander wessels sk capital partners dohmen

Parcerias mundiais para Têxteis Sustentáveis
OEKO-TEX® saúda positivamente a parceria com o governo Alemão para a iniciativa de Têxteis Sustentáveis. Em junho de 2015, grandes organizações e empresas bastante conhecidas no setor têxtil mundial aderiram ao acordo de “Parcerias para Têxteis Sustentáveis”. Atualmente o acordo já conta com mais de 100 membros.  2015-06-18 - Tags: oeko-tex texteis sustentáveis georg dieners step by oeko-tex made in green by oeko-tex oeko-tex standard 100

Embaixador de Bangladesh no Brasil
Mohamed Mijarul Quayes, embaixador de Bangladesh no Brasil, esteve na Brazil 2015 – Feira Internacional de Fornecedores de Tecidos, que acontece até 29 de maio no Transamerica Expo Center, em São Paulo, Brasil. O diplomata foi enfático ao dizer que a indústria têxtil e de confecção de seu país é uma das melhores do mundo, com pretensões de se tornar o primeiro fornecedor global de tecidos e vestuários  2015-05-28 - Tags: cems Índia china bangladesh sri lanka cingapura indonésia mohamed mijarul quayes feira têxtil

Centro de Aplicações e Pesquisa em Tecnologia de Fiação na China
No contexto da expansão asiática, em 28 de abril de 2015, a Rieter oficialmente inaugurou o primeiro Centro de Aplicações e Pesquisa em Tecnologia de Fiação na China. Este centro é o mais avançado do mundo e é um elemento chave dentro do leque de serviços da Rieter. Esta instalação contribuirá para um desenvolvimento mais amplo e positivo da indústria chinesa de fiação. Representantes do governo de Changzhou e da indústria têxtil chinesa estiveram presentes na inauguração.  2015-05-18 - Tags: rieter maquina têxtil fiação fios maquinário Ásia automação changzhou china norbert klapper

Carta Aberta Première Vision São Paulo
O Première Vision São Paulo completa em maio de 2015 sua 11a. edição. Em 2015, na América Latina, vemos um mercado de moda retraído, um momento de instabilidade e indeterminação do setor, especialmente no Brasil. Diante deste cenário o evento convida o segmento a repensar os seus objetivos para a moda no continente.  2015-05-12

Prêmio Materiais Futuros lançado para ITMA MILÃO
O Prêmio Materiais Futuros esta retornando em 2015. O renomado evento acontecerá no coração da indústria têxtil internacional e seus vencedores serão anunciados em uma grande cerimônia durante a principal feira de máquinas têxteis a ITMA Milão.  2015-05-08 - Tags: itma feira milÃo itma 2015 têxtil

Focando em aplicações para não-tecidos técnicos
A necessidade para não-tecidos técnicos contabiliza certa de 60% de todo o mercado de não-tecidos ao redor do mundo. Cerca de metade destes não-tecidos são agora produzidos na Ásia. O foco da Oerlikon Neumag na ANEX e na SINCE deste ano, de 13 a 15 de maio, em Xangai, é em máquinas para não-tecidos e tecnologia meltblown para aplicações técnicas.  2015-05-04 - Tags: não-tecido tecido técnico oerlikon neumag anex since

Nova geração de nylon 6.6 yarns
Um fio exclusivo e de alta performance. Desenvolvido para manter o usuário seco e confortável. NILIT® Aquarius, tecnologia aplicada na estrutura do fio, transportando a humidade através da roupa direcionando para o ambiente externo.  2015-04-24 - Tags: fio performance fibras atividade física lifestyle activewear nilit® aquarius nilit

ABIMAQ instala Sala de Crise
Iniciativa do Conselho de Óleo e Gás se deve à grave situação vivenciada pelo setor de máquinas e equipamentos para o setor de petróleo e gás  2015-04-22 - Tags: têxtil negócios

A nova Autoconer 6 a melhor e sempre original
A Autoconer foi a primeira bobinadeira automática da história e tem causado muito entusiasmo na indústria têxtil com cada nova geração de máquinas. Agora chegamos mais uma vez ao ponto.  2015-03-25 - Tags: autocoro 6 mercado têxtil

SPGPrints participa da FESPA Brasil e projeta lançamento de impressora digital têxtil
A PIKE atenderá o que os usuários ainda não encontraram em tecnologia para impressão digital.  2015-03-19 - Tags: spgprints fespa têxtil