Language
home » têxtil »

Mercado

Tamanho do texto  A A A
Compartilhar

Prêmio DuPont de Segurança e Saúde do Trabalhador homenageia indústria

Setores como automotivo, farmacêutico e automação foram ganhadores nesta oitava edição da premiação que é vitrine para profissionais de segurança do trabalho. O prêmio é um reconhecimento às companhias que pesquisaram, investiram e incentivaram as melhores práticas dentro de seus ambientes de trabalho. A homenagem foi realizada em jantar promovido pela DuPont em parceria com as revistas CIPA e Proteção, no mês de novembro.

Os finalistas estiveram presentes para conhecer a colocação de três projetos em quatro categorias - Projeto Estudante, Corte e Abrasão, Proteção Térmica e Proteção Química. Os escolhidos aplicaram no cotidiano das empresas soluções envolvendo produtos como Tyvek® e Tychem®; Nomex® Protera® e Kevlar®. Durante o encontro a Toyota Argentina também foi homenageada pelo seu trabalho junto de seus colaboradores. Bruno Bezerra, líder de Brasil e América Latina para Segurança & Construção da DuPont, avalia a importância de realizar o prêmio anualmente: "Além de ser uma vitrine importante para os profissionais de segurança do trabalho e saúde, essa premiação passa uma mensagem. É necessário que as companhias invistam em saúde e segurança – primeiro, pelo bem-estar dos colaboradores; e em segundo lugar, porque esse tipo de atenção evita prejuízos ou queda de produtividade para as empresas. É de fato um investimento. Os técnicos em segurança do trabalho não podem ser lembrados somente quando algum imprevisto acontece".

Nas categorias profissionais, os primeiros lugares receberam como prêmio uma viagem aos Estados Unidos, com acompanhante da empresa, para conhecer a sede da DuPont, no estado de Delaware e o segundo colocado recebeu um laptop. Também foram concedidas às empresas que obtiverem a terceira maior pontuação em cada categoria um diploma de menção honrosa.

Participação têxtil

Textília Net ouviu a porta-voz Ariana Bottura, líder de Desenvolvimento de Marketing Global para Proteção Térmica da DuPont, para saber sobre a participação da indústria têxtil e de confecção no mercado de tecidos técnicos de alto valor agregado. Confira.

Textilia Net: Quais são as tecelagens parceiras que desenvolvem os tecidos técnicos junto com a DuPont para a produção dos uniformes industriais?

Ariana Bottura: Uma parte dos itens com tecnologia DuPont é criada e produzida por nós mesmos, desde a fabricação das fibras até a confecção dos produtos finais. No entanto, possuímos indústrias parceiras no mundo todo. No Brasil, alguns de nossos parceiros são companhias líderes na produção de tecidos e confecção de trajes e equipamentos de segurança e proteção. Uma das parcerias é com a Cia. Tecidos Santanense, tecelagem que produz tecidos com fibras de Kevlar® e Nomex®.

Textília Net: Os produtos Tyvek® e Tychem®; Nomex® Protera® e Kevlar® são feitos em alguma fábrica da DuPont no Brasil ou são importados?

Bottura: As fibras DuPont dos produtos mencionados são importadas. Já os tecidos, assim como algumas vestimentas finais com cada uma dessas fibras, variam, em diversos casos, são fabricados no Brasil já que a confecção depende da viabilidade logística e da necessidade de cada mercado.

Textilia.Net: A participação da indústria brasileira, que já representou 21,6% do PIB, despencou 10 pontos percentuais em 30 anos e hoje é de 11%, o mesmo patamar de 1947. Como projetar bons negócios neste setor?

Bottura: A DuPont tem um portfólio amplo que permite posicionamento de liderança em diversos mercados. Isso garante, em primeiro lugar, uma atuação diversificada da companhia, ou seja, flexibilidade para atuar mesmo em contextos mais desafiadores. No caso de nossa unidade de Segurança & Construção, temos produtos voltados para as mais diversas atividades, como a indústria química, automotiva, eletricitária, óleo e gás, farmacêutica, segurança pública e forças militares, entre outros. Além disso, nossas parcerias estratégicas com fabricantes de trajes e acessórios de segurança muitas vezes garantem melhor competitividade no mercado. Um caso de sucesso veio da parceria com a Santanense, com a produção de um tecido nacional utilizado em trajes de bombeiros, onde foi possível redução de 50% no preço oferecido ao mercado, em relação aos produtos convencionais, importados. Além disso, foi possível oferecer melhor tempo de entrega nessa cadeia.

Portal Textília Net: Qual o resultado em vendas que a DuPont teve nos últimos dois anos neste segmento de têxtil técnico?

Bottura: A DuPont não divulga números relacionados ao seu faturamento ou ao seu market share.

Portal Textilia.Net: O Brasil também é tido como um dos líderes em acidentes de trabalho no mundo. Como a tecnologia da DuPont pode ajudar nesta redução?

Bottura: Existem inúmeros casos de sucesso de pessoas que conseguiram sobreviver a acidentes de trabalho com tecnologias DuPont. Nosso trabalho incentivar as melhores práticas e o uso correto de EPIs, e o prêmio DuPont de Segurança e Saúde do Trabalhador é uma destas iniciativas. Paralelamente, possuímos ferramentas como o DuPont™ Thermo-Man®, que facilita as empresas entenderem o desempenho de diferentes tecnologias de tecido quando comparadas com a performance superior dos nossos produtos de proteção térmica - Nomex® e Protera® - que são comprovadamente mais eficientes do que outras vestimentas e acessórios similares.

Portal Textilia. Net: Há algum levantamento mostrando a contribuição da roupa de segurança para evitar danos decorrentes da atividade laboral?

Bottura: Depois de mais de 670 vestimentas testadas em dois anos de operação com demonstração para mais de 100 usuários finais, o DuPont™ Thermo-Man® já apoiou diversas indústrias na melhoria da proteção de seus trabalhadores. O resultado é uma alta taxa de conversão, pois além de uma tecnologia superior, o equipamento ajuda no processo de educação dos usuários. O Thermo-Man® fica no Centro de Pesquisa & Desenvolvimento da DuPont em Paulínia (SP), principal unidade de pesquisa da empresa na região. Para quem não conhece, trata-se de um manequim em tamanho real, com 122 sensores de calor ao longo do corpo (com exceção das mãos e pés), capaz de calcular o percentual de queimaduras que um trabalhador pode sofrer quando exposto ao fogo repentino, de acordo a roupa de proteção que está vestindo. Qualquer empresa interessada em efetuar os testes pode entrar em contato conosco. Também aproveitamos a oportunidade para falar sobre nossa plataforma DuPont™ SafeSPEC™ (safespec.dupont.com.br), que ajuda os profissionais a obter informações detalhadas dos nossos produtos. Totalmente em português, ela ajuda os especialistas em segurança a tomarem a melhor decisão com base em dados completos sobre os produtos, desempenho de barreira, conforto e os folhetos oficiais de cada item.

Conheça os vencedores por categoria

Corte e abrasão - Em primeiro lugar foi escolhido o case da Rockwell Automation, que comprovou a eficiência das luvas Kevlar® de cinco e dois fios em uma das etapas de processo de montagem de painéis elétricos na planta de Jundiaí (SP). O produto garante proteção para atividades envolvendo pontos de compressão, peças móveis, ferramentas manuais e peças em temperaturas extremas. Após cinco anos desde o início da utilização das luvas, a porcentagem de acidentes envolvendo mãos e dedos chegou a 0%, relatam Monica Tenório de Aquino, Especialista de EHS e Dionísio Lopes dos Santos, Coordenador de EHS. Em segundo lugar, a unidade Toyota de Sorocaba relata que no início da operação na cidade foram registrados acidentes nas mãos e braços. "Hoje, 69% dos nossos processos produtivos utilizam a luva e o mangote de Kevlar®. A durabilidade da luva do concorrente não chegou nem perto da luva DuPont que usamos atualmente. Com o suporte da DuPont e outras ferramentas como banners, laudos, etc. conseguimos reduzir para zero o número de acidentes nas mãos e braços", avalia a companhia. A fabricante de pneus Prometeon foi a terceira colocada. Na apresentação do caso, relata que "no início de 2018 iniciamos um novo trabalho de mitigação do risco de corte e abrasão buscando no mercado uma luva que proporcionasse, acima de tudo, segurança - mas que não deixasse de oferecer maleabilidade e destreza, pois o processo exige muita atenção e precisão por parte do colaborador. A Balaska nos apresentou a luva Kevlar® Black de dois fios, com punho de 10 cm e revestimento em vaqueta". O produto foi implementado em setembro em Santo André (SP) e Gravataí (RS).

Proteção Química - Em primeiro lugar ficou o Instituto Butantan que optou pelas vestimentas Tyvek® em áreas de produção industrial de vacinas e soros para uso humano. O produto DuPont foi usado em substituição as vestimentas laváveis que eram motivo de falhas de logística e desgastes, por exemplo, tornando-as ineficazes para a proteção química e biológica do colaborador. Além disso, chamou atenção da equipe o fato de que o Tyvek® é um material altamente compactável, fator que beneficia o armazenamento interno do produto e posteriormente do resíduo gerado no Instituto Butantan, bem como para seu transporte e posterior armazenamento externo. Em segundo lugar foi escolhida a CETESB - Companhia Ambiental do Estado de São Paulo. Uma das suas funções é atuar em casos de emergência química, e a empresa estatal adotou com sucesso os macacões de segurança DuPont™ Tychem® QC/SL e Tychem® TK para proteção contra produtos como pesticidas, ácidos inorgânicos, alcalinos e ácidos. O terceiro lugar foi para a Michelin e o sucesso da aplicação de vestimentas de Tyvek® em suas plantas industriais. O produto foi o escolhido para alcançar alto nível de proteção para profissionais que trabalham expostos ao produto químico negro de fumo. Trata-se de um pó preto, que pode causar irritação mecânica, sujar e deixar a pele seca. A companhia avaliou Tyvek® como um equipamento confiável, durável, e com o qual nossos os funcionários teriam garantia de segurança e saúde, sem contato com produtos químicos. Surpreendeu também o longo período de uso e resistência do produto quando comparado com uma vestimenta nova.

Proteção Térmica - A Michelin foi a primeira colocada na categoria relatando utilização do novo uniforme feito com DuPont™ Protera®, com o objetivo de proporcionar melhor equilíbrio entre segurança e conforto, com mais resistência, durabilidade e menor custo. A vestimenta foi bem aceita pelos funcionários. Entre os atrativos está o fato de que Protera® garante eficiência mesmo após repetidas lavagens, e não sofre desgastes após exposição a raios UV. Empatado em primeiro Lugar esteve a unidade Toyota de Porto Feliz (SP). A equipe optou pelas vestimentas DuPont™ Protera® contra riscos elétricos em atividades diárias. A opção foi aprovada por 100% dos usuários, e o custo-benefício. "Ao longo de três anos, a estimativa de redução de custo com EPIs será de 92%, pois a durabilidade é 24 vezes maior do que aquela do EPI tratado quimicamente", avalia Cristian Lemes, Técnico de Segurança do Trabalho. Em segundo lugar foi selecionada a InterCement, que passou a disponibilizar para seus funcionários vestimentas e capuz DuPont™ Nomex® para atividades com risco de alta tensão. Os modelos adquiridos são muito mais versáteis e confortáveis, facilitando movimentos e locomoção dos profissionais, além possuir várias opções de tamanhos. A Arcos Dourados, empresa que dirige a marca McDonald's no Brasil foi terceiro lugar com a aplicação dos mangotes feitos com DuPont™ Nomex® para proteção dos funcionários que operam chapas e fritadeiras. "Entre os resultados, reduzimos em 38% os afastamentos por conta de queimaduras", explica Bruno Rodrigues, especialista em Segurança do Trabalho e Meio Ambiente.

Projeto Estudante - O primeiro lugar no projeto estudante ficou para Josefa dos Santos, do SENAC Santo André. Ela apresentou estudo baseado em uma empresa de São Bernardo do Campo (SP), cujos funcionários manuseiam vidro e alumínio. O principal objeto de estudo foram os cortes nas mãos provocados por quebra ou manuseio incorreto do vidro e do alumínio durante o processo de fabricação. A solução apresentada foi a luva em Kevlar® DuPont™ de quatro fios, produto que oferece, além de proteção, conforto para os trabalhadores. Danielle Flores foi escolhida como segundo lugar apresentando solução para a uma serralheria localizada em Diadema (SP). O objetivo do estudo foi reduzir os gastos com a compra de EPI, e garantir ao empregador maior segurança nos processos com luvas de DuPont Kevlar®. O estudante Lucas Henrique Barbosa Benedito, do Senac Piracicaba foi o terceiro colocado. Ele apresentou estudo baseado na atividade de uma empresa de Piracicaba (SP). "Com a utilização de luvas feitas com DuPont™ Kevlar®, o funcionário trabalha com mais confiança, principalmente no manuseio das calhas, bobinas e no setor de dobragem (...) um dos colaboradores relatou que o EPI proporciona um grande conforto, aderindo-se às mãos e permitindo a manipulação de peças lisas sem medo de elas deslizarem, já que a palma corrugada dificulta o deslizamento dos materiais".

Sobre a Divisão de Produtos Especializados DowDuPont

A Divisão de Produtos Especializados DowDuPont, uma divisão da DowDuPont (NYSE: DWDP), é líder global em inovação com materiais, ingredientes e soluções baseados em tecnologias que ajudam a transformar indústrias e a vida cotidiana. Nossos funcionários aplicam diversos conhecimentos e ciência para ajudar os clientes a desenvolver suas melhores ideias e fornecer inovações essenciais nos principais mercados, incluindo eletrônicos, transportes, construção, saúde e bem-estar, alimentos e segurança dos trabalhadores. A Divisão de Produtos Especializados será separada da DowDuPont e será chamada DuPont, uma empresa independente de capital aberto. Mais informações podem ser encontradas em www.dow-dupont.com.

O Portal Textília.net não autoriza a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo aqui publicado, sem prévia e expressa autorização. Infrações sujeitas a sanções.

Edição: Marcia Mariano
Fonte: 2PRÓComunicação

Data de publicação: 03/12/2018

Conteúdo relacionado


Para todos membros da comunidade do algodão
Com todo o mundo preso a pandemia do COVID-19, é difícil de ver uma luz no fim do túnel - e o momento quando o vírus será derrotado e vida poder voltar ao normal. Mas há um evento importante no horizonte que marcará o começo da recuperação do algodão reunindo o mundo global do algodão e indústria têxtil e mostrando aos consumidores em todas as partes porque o algodão é a fibra natural mais importante do mundo.  2020-06-01 - Tags: pandemia covid 19 algodao dia mundial do algodao international cotton advisory committee

Cematex elege seu novo secretário geral permanente
Cornelia Buchwalder foi eleita, no dia 12 se março, como novo secretário general pelo Cematex - Comitê Europeu de Fabricantes de Maquinas Têxteis. Ela atuava como interina desde junho de 2019, após aposentadoria de Maria Avery, e agora terá posição permanente no comitê. Buchwalder tem grande conhecimento do setor global de equipamentos têxteis, após ter administrado a Associação Suíça de Maquinas Têxteis desde 2013.  2020-04-03 - Tags: cornelia buchwalder cematex maria avery itma asia citme zurique

Feiras internacionais impulsionam negócios de empresas têxteis brasileiras
Só em 2020 mais de 40 marcas brasileiras estiveram na Colombiatex, uma das principais feiras do segmento na América Latina. A Censi Máquinas, de Gaspar (SC), foi uma das empresas que colheu bons resultados a partir da estratégia de exposição.  2020-03-12 - Tags: colombiatex censi maquinas evandro spengler tagpress america latina abit

Setor de nãotecidos mostra pequeno crescimento em 2019
A produção brasileira de nãotecidos cresceu 0,4% em 2019, em relação ao ano anterior, alcançando 277,6 mil toneladas. Em 2018, o setor produziu 276,5 mil toneladas. Os números de produção de 2018 e 2019 foram impactados pela redução nas exportações e um aumento nas importações de nãotecidos.  2020-03-10 - Tags: associacao brasileira da industria de naotecidos e tecidos tecnicos abint carlos eduardo benatto naotecidos industria brasileira de naotecidos

Importações de bens de capital encerram o ano com alta de 30%
O volume de importações de bens de capital no Brasil encerrou 2019 com alta de 30% e movimentação de 37,4 bilhões de dólares, segundo um levantamento realizado pela Associação Brasileira de Máquinas e Equipamentos Industriais (Abimei).  2020-01-07 - Tags: abimei maquinas equipamentos tendencia categoria transporte industria

Desaceleração econômica global está afetando consumo de algodão
Ainda que as projeções de aumento do consumo para a próxima safra se mantenham, o fato é que os indicadores econômicos, que apontam uma desaceleração da economia mundial e contínuos conflitos comerciais, estão interrompendo a série de bons resultados prolongados da indústria algodoeira.  2019-12-18 - Tags: icac algodao algodoeira industria queda internacional

Perspectivas e desafios para a cadeia de valor
O avanço ao novo mundo digital está promovendo uma disrupção nos negócios do setor têxtil e de vestuário.  2019-12-05 - Tags: ibge mercado joao paulo cunha locomotiva brasil cadeia de valor

Indústria têxtil baiana é a primeira do país a conquistar rótulo ecológico ABNT
Chancelada em outubro pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), a empresa local Polo Salvador é a primeira indústria têxtil do Brasil a conquistar o "Rótulo Ecológico", um selo comprovador de que uma organização está preocupada com questões ambientais e adota medidas para reduzir os impactos causados ao meio ambiente pelos processos industriais.  2019-11-22 - Tags: abnt recursos meio ambiente rotulo industria textil bahiana bahia.

GQM inaugura central de vendas no Rio de Janeiro
A paulista Global Química & Moda (GQM) iniciou 2019 com um objetivo muito claro: expandir seus negócios através de unidades parceiras espalhadas por regiões estratégicas no país. Ao todo, a marca pretende inaugurar cinco centrais de vendas.  2019-11-11 - Tags: gqm 2019 quimica rio de janeiro vendas portfolio regionalizacao

Instituto de Inovação do Senai Cetiqt passa a funcionar no Parque Tecnológico da UFRJ
As novas instalações do Instituto de Inovação em Biossintéticos e Fibras do SENAI CETIQT, no Parque Tecnológico da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), serão inauguradas nesta sexta-feira (08/11), às 10h.  2019-11-08 - Tags: senai cetiqt parque tecnologico ufrj inovaçao instituto biossinteticos fibras

Países de baixo custo da Ásia lideram produção mundial de artigos de malhas
Relatório de outubro, publicado na edição 199 do Textile Outlook, a partir das informações globais da empresa Textiles Intelligence, mostra que o mercado internacional de artigos de malha está se transformando à medida que os importadores dos principais centros de consumo, como EUA e União Europeia, mudam suas fontes para produtores de baixo custo de países emergentes na Ásia.  2019-10-28 - Tags: textile outlook textiles intelligence asia produtividade turquia exportacao

The Lycra Company lança tecnologia Lycra® EcoMade
A The Lycra Company, fornecedora líder de soluções em fios e tecnologias para as indústrias globais de vestuário e cuidados pessoais, irá exibir seus produtos mais recentes para o mercado de Denim, na Kingpins Amsterdã, que acontece nos dias 23 e 24 de outubro.  2019-10-24 - Tags: lycra company denim kingpins amsterda planet agenda ecomade

Frente Parlamentar Têxtil paulista promete lutar pela valorização do setor
“O setor têxtil é importante para o nosso estado, por isso temos que apoia-lo”. Esta foi a tônica dos discursos proferidos durante a instalação da Frente Parlamentar para o Desenvolvimento do Setor Têxtil e de Confecção do Estado de São Paulo, realizada no dia 3 de outubro, na Assembleia Legislativa.  2019-10-11 - Tags: setor textil paulista frente parlamentar assembleia legislativa sinditec sinditextil sp sindivestuario

Monforts celebra conquistas de seus clientes com publicações
Monforts, um dos principais fabricantes alemães de máquinas têxteis do mundo, lançou a primeira edição do Monforts World of European Textiles (Mundo dos Têxteis Europeus da Monforts), apresentando uma série de empresas de vanguarda na Europa, que atendem a uma ampla gama de mercado final.  2019-08-01 - Tags: monforts world of european textiles monforts world of denim itma 2019 fios contínuos cyd

Plataforma mundial B2B de pesquisa online para o mercado têxtil
GoSourcing365 é uma plataforma exclusiva B2B de pesquisa global baseada nos EUA para networking com Fabricantes e Fornecedores internacionais de Fios, Tecidos, Vestuário, Acabamentos, Acessórios, Corantes e Produtos Químicos.  2019-06-10 - Tags: gosourcing365 plataforma global de pesquisa b2b b2b networking

Audaces estrutura internacionalização com novo diretor
“Hoje, não é apenas idealizar em um produto simplesmente, é preciso criar o modelo de negócio com gestão e foco no cliente além de pessoas buscando melhoria contínua. É isso que torna uma empresa inovadora”.  2019-06-05 - Tags: audaces internacionalizaçao diretor matheus diogo fagundes lingerie claudio grando ricardo cunha

Vicunha reforça seu posicionamento sustentável
Vicunha Têxtil e Movimento Ecoera criam projeto para mapear impacto ambiental do uso da água na produção de jeans no Brasil. Com mais de 50 anos de mercado, a Vicunha é líder mundial na produção de tecidos índigos e brins, sendo referência no segmento jeanswear.  2019-06-05 - Tags: pegada hidrica vicunha sustentavel agua water footprint foundation informacao

Minas Trend reforça projeção nacional
Com novos expositores da indústria têxtil e do segmento de cosméticos, o evento se consolida como maior salão de negócios de moda da América Latina. A 24º edição do Minas Trend, realizada de 9 a 12 de abril em Belo Horizonte, abriu espaço para o setor de beleza e cosméticos que veio somar-se aos expositores da cadeia da moda como vestuário, calçados, bolsas e acessórios.  2019-06-05 - Tags: minas trend perfil industria sinergia presença textil expominas

ABNT realizará evento de lançamento da nova ABNT NBR ISO 19011
No dia 24 de maio, a Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) realizará em suas instalações em São Paulo, o evento de lançamento da nova versão da norma ABNT NBR ISO 19011:2018 - Diretrizes para auditoria de sistemas de gestão.  2019-05-17 - Tags: associacao brasileira de normas tecnicas abnt comite brasileiro da qualidade abnt nbr iso 19011

The LYCRA Company inaugura centro avançado de inovação têxtil na China
A LYCRA Company, fornecedora líder de soluções em fibra e tecnologia para as indústrias globais de vestuário e cuidados pessoais, anunciou hoje que abrirá oficialmente seu novo Centro Avançado de Inovação Têxtil (ATIC) no dia 16 de maio, em Nanhai, na China. O novo laboratório de Pesquisa e Desenvolvimento (P&D), de 4.500 metros quadrados, representa um aumento significativo nos recursos globais de P&D da empresa, que possui sua base nos EUA.  2019-05-17 - Tags: the lycra company atic laboratorio de pesquisa e desenvolvimento fio lycra bob kirkwood apparel & advanced textiles da invista