Language
home » moda & varejo »

Moda Vestuário

Tamanho do texto  A A A
Compartilhar

Alunos do Senai Cetiqt apresentam suas futuras biostartups para empresários

Alunos do SENAI CETIQT e empresários se encontraram, no último dia 22, na Unidade Riachuelo, para a apresentação final dos nove projetos focados no segmento têxtil e de confecção, elaborados a partir do Projeto Biostartups Moda, realizado em parceria com o Sebrae/RJ. Durante seis meses, equipes multidisciplinares, formadas por alunos e egressos dos cursos técnicos e das graduações de Design de Moda, Engenharia Química e de Produção, orientadas por professores da instituição, desenvolveram soluções com temas ligados a produtos inteligentes e resíduos têxteis. Os participantes também tiveram treinamentos sobre Business Model Generation, Lean Startups, Design Thinking e Customer Development.

“O projeto foi criado buscando identificar soluções ecoinovadoras para responder às tendências do mercado globalizado, aumentando a produtividade, a competitividade e a sustentabilidade da cadeia produtiva da moda. Os alunos receberam orientações tecnológicas nas plantas e laboratórios do SENAI CETIQT, o que enriqueceu muito o aprendizado e o desenvolvimento das futuras startups”, afirma o coordenador do projeto e de Inovação Educacional do SENAI CETIQT, Bernardo Queiroz.

A coordenadora de moda do Sebrae/RJ, Fabiana Pereira, contou durante o encontro que esse projeto foi feito por muitas mãos. “Nós entendemos que é importante apoiar esse trabalho porque precisamos criar uma ponte entre o que está sendo discutido na universidade, o que realmente a indústria da moda precisa e quais são os desafios dessa indústria. Queremos fazer cada vez mais e melhor, sem causar tantos danos”, comemorou. A iniciativa faz parte de um projeto do Sebrae/RJ chamado “A Nova Era da Moda”, que busca incentivar uma moda mais justa, eficiente e que conviva melhor com o meio ambiente.

As equipes mostraram seus projetos em pitches (apresentação direta e curta, com o objetivo de vender a ideia da startup para investidores) de três minutos. As inovações foram diversas, indo desde o desenvolvimento de corantes naturais a partir de resíduos vegetais, até a produção de revestimentos de pisos com o reaproveitamento de resina, fibra sintética e pneu.

Nina Braga, diretora do Instituto-e, uma das empresas parceiras presentes no evento, parabenizou o SENAI CETIQT pela iniciativa. “A indústria têxtil gera um grande passivo ambiental, por isso, é tão importante que esses jovens, que estão começando a carreira, já comecem a pensar na sustentabilidade. Hoje é comprovado que 20% dos efluentes que saem das atividades industriais provém da indústria têxtil, então, usar tingimentos orgânicos e/ou naturais, por exemplo, é fundamental para diminuir esse índice e, consequentemente, esse passivo ambiental. É uma forma de incentivar uma indústria que é a segunda maior empregadora no Brasil”, ressaltou Nina.

Após as apresentações, os produtos desenvolvidos pelas equipes foram expostos no hall do edifício José Alencar. Nesse momento, os alunos tiveram a oportunidade de explicar, mais detalhadamente, suas ideias para os investidores, que percorreram o espaço conhecendo de perto as inovações. O diretor da Tropical Land, empresa de moda fitness e swim wear, Mario Papadopoulos, que acompanha o projeto desde o planejamento, veio de Petrópolis para conhecer os projetos. “A nossa empresa já faz o tratamento de resíduos como plástico, papelão, tecidos. Hoje, temos um descarte em torno de quatro toneladas de resíduos sólidos por mês e, apesar de já me preocupar com isso há mais de dez anos, ainda tem muito para andar. Os projetos apresentados ainda estão embrionários, mas essa consciência tem que começar no meio acadêmico primeiro”, enfatizou Mario, que deixou ainda um desafio para as próximas edições do projeto: “Precisamos criar biostartups que cuidem dos grandes volumes descartados pelas indústrias”.

Nina Braga, que também é uma das mentoras do Programa de Mentoria do SENAI CETIQT, se disse honrada por ter contribuído com o projeto Biostartups Moda. “O que diferencia o SENAI CETIQT de outras instituições são esses programas e oportunidades que os alunos têm de colocar a mão na massa”, concluiu.

As apresentações contaram com a participação de representantes de diversas empresas como DeMillus, DeLaurentis, Movin, Maria Filó, Pólen, Sai do Papel Incubadora, Toreg, Nidas e Firjan. A apresentação das futuras startups foi apenas o início das ações de empreendedorismo do SENAI CETIQT. Em 2019, a instituição investirá em novos projetos e continuará apoiando os grupos para que se tornem startups, por meio da incubação no Fashion Lab (laboratório aberto que será inaugurado no próximo dia 18/12).

Conheça os projetos das Biostartups que foram apresentados:

Abricó: O projeto tem o objetivo de produzir sapatos de maneira sustentável e ecológica, por meio da reutilização de pneus e outras borrachas, passando por processos químicos. Também é feito o reaproveitamento de tecidos e/ou couro para o cabedal. (Alunos: Vanessa Camacho Bezerra Barros, Amanda Bretas Almeida, Leonardo Ferreira Sabbadim e Vitor Hugo de Oliveira Andrade)

Adere: Produzir pisos a partir da combinação de resina, resíduos de fibras sintéticas e de pneus, que já não fazem parte de uma cadeia produtiva, dando um destino sustentável e proporcionando uma pisada mais segura. (Alunos: Anne Veloso Dias, Ingrid Dantas da Silva, Lisandra Heredia Barbosa, Gabriela dos Santos Correa e Amarillis Marriel dos Santos)

Arte Fato: Artefatos feitos com tecidos de origem naturais que necessitam de pouco beneficiamento e recebem um tingimento natural a partir de resíduos do café. Esse tingimento especial foi desenvolvido com reagentes orgânicos, como a oxidação de metais e materiais culinários, possibilitando mais uma forma de reaproveitamento com parafusos e placas enferrujadas. (Alunas: Nathália de Souza Correa Silva, Ilva Helena Mendes Salgado de Castro, Camila de Góis Alves, Gabrielly da Silva Hage, Bruna Nascimento Mafra da Silva e Beatriz de Moraes Pereira Boechat)

Biocor: Produzir corantes naturais de qualidade com variedade de cores e alto valor agregado, a partir de resíduos vegetais coletados em hortifrútis. O resultando são corantes naturais de custo acessível a todas as empresas que queiram contribuir com a sustentabilidade e reduzir o impacto ambiental. (Alunas: Carine Dias Botelho Benholiel Lopes da Silva, Rafaela Naegele, Marina Mikalauskas Dias e Vanessa Ribeiro de Souza)

Green Palm:  O objetivo é produzir solados/palmilhas por meio de resíduos têxteis gerados pela indústria de moda. Desta forma, os produtos que seriam descartados são reinseridos no ciclo produtivo dando um novo fim aquela matéria prima que seria queimada ou jogada em aterros. (Alunos: Ana Beatriz Loureiro Gonçalves da Silva, Gustavo Luiz Xavier Rocha, Rodrigo dos Santos Cardoso, Thamires Beloni Moreira da Silva, Viviane Nascimento do Espírito Santo e Larson da Silva de Lemos)

Helpet: Linha de roupas pós-cirúrgica para cães que possui ergonomia, modelagens adaptáveis e grades adequadas à espécie, melhorando o bem-estar e a recuperação do animal, facilitando assim a vida do tutor. (Alunos: Thays Guimarães Pantaleão, Fernanda Victorino Dias e Caroliny de Araujo Teles)

HTex: Desenvolvimento de um produto que tem a capacidade de ser repelente a água e aos mosquitos, dando assim características únicas. (Alunas: Yla Grazielly Fogassa Haddad, Jhessica Sthephany Rocha do Nascimento e Stephanie Barrozo Neres)

Revert: Promove alternativas ecológicas para os excedentes têxteis de pequenas e médias empresas. Dentre os tecidos a serem recolhidos, está o algodão. Será realizado um tratamento bruto, desfibrilando e tecendo para formar outro tecido. Também serão agregados o poliéster e a poliamida, que receberão tratamento químico e injetando em moldes para confecção de aviamentos. (Alunas: Gabrielly Christiane da Silva Serrano, Yasmin Fernandes Cabral, Julia Rodrigues Santo Katag Los e Thais Carina Barreto Rosales)

Rubber Boom: Criação de um novo produto que busca proporcionar outro fim que não seja o lixo para os calçados. Rubb é a mistura de alguns polímeros com a sola descartada desses calçados virando assim uma liga polimérica que tem propriedades parecidas com as da borracha, porém com características melhoradas como a durabilidade, a maleabilidade e a dureza, além de possuir um menor preço, sendo bastante atrativo no mercado. (Alunos: Daniel Gomes Pereira, Matheus Campos Tenório de Souza, Raquel Rangel de Moraes Cunha e Jonathan Pereira Peixoto).

O Portal Textília.net não autoriza a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo aqui publicado, sem prévia e expressa autorização. Infrações sujeitas a sanções.

Fonte: Ex-Libris Comunicação Integrada
Fotos: Divulgação

Data de publicação: 30/11/2018

Galeria de fotos desta matéria

Conteúdo relacionado


Exclusivo: A indústria de vestuário dos EUA se reúne em Honduras
Mike Todaro, diretor administrativo da Rede de Produtores de Vestuário da América (AAPN), declara a Textilia.net que Honduras se converteu em um parceiro ideal para esta nova fase do mercado consumidor mundial, que busca além de produtos elaborados com insumos sustentáveis e uso de energia renovável , fabricantes que tenham como comprometimento o lado socialmente responsável com seus empregados diretos e indiretos.  2018-11-30 - Tags: pettenati industrias têxtil ricardo pettenati simon mainwaring honduras mike todaro aapn who is who

Alunos do Senai Cetiqt apresentam suas futuras biostartups para empresários
Alunos do SENAI CETIQT e empresários se encontraram, no último dia 22, na Unidade Riachuelo, para a apresentação final dos nove projetos focados no segmento têxtil e de confecção, elaborados a partir do Projeto Biostartups Moda, realizado em parceria com o Sebrae/RJ.  2018-11-30 - Tags: senai cetiqt unidade riachuelo sebrae projeto biostartups moda business model generation lean startups design thinking customer development demillus delaurentis movin maria filó pólen sai do papel incubadora toreg nidas

Cedro Textil + Sou de Algodão estreiam na Casa dos Criadores
Na próxima semana, entre os dias 23 e 27 de julho, a Cedro Textil fará sua estreia em um dos eventos de moda mais ousados do Brasil, reconhecido por cultivar imagens de moda poderosas e revelar novos talentos do universo fashion. A 43ª edição da Casa dos Criadores, que acontece no Museu de Arte Contemporânea de São Paulo (SP), fez mudanças para se aproximar do mercado.  2018-07-20 - Tags: casa dos criadores cedro textil abrapa movimento sou de algodao eduardo paixao

Coleção de aniversário de 85 anos da Lacoste revisita oito décadas de estilo
A Lacoste presta uma homenagem à criatividade do seu fundador e à sua história reeditando uma seleção de camisetas polo e de peças emblemáticas de seus arquivos, para celebrar seu aniversário de 85 anos.  2018-06-04 - Tags: lacoste 85 anos rene lacoste moda polo

Movimento Sou de Algodão participa da Denim Meeting e Fashion Revolution Day
A última semana foi de apresentação e debate para o Sou de Algodão. O movimento de incentivo ao uso do algodão brasileiro participou de dois eventos importantes em São Paulo. Na manhã de segunda-feira, 23/04, o presidente da ABRAPA, Arlindo Moura, participou do Denim Meeting, feira têxtil que aconteceu no Expo Center Norte entre os dias 23 e 24 de abril.  2018-05-03 - Tags: abrapa sou de algodao fashion revolution day denim meeting eventos fmu

Design Vision mostrou as criações de novos talentos da moda a partir de retalhos
A empresa de tecidos, que já é parceira do SPFW há cinco edições, trouxe uma mostra com os resultados da segunda edição do projeto que tem curadoria de Walter Rodrigues, o "Design Vision". Através da capacitação com o renomado estilista, estudantes de moda selecionados para o projeto fizeram suas criações a partir de retalhos de tecidos da Focus Têxtil.  2018-04-27 - Tags: focus textil casa spfw novos talentos retalhos walter rodrigues spfw instituto focus textil

Bordadeiras de Barra Longa ganham projeção nacional na SPFW 2018
O movimento ágil dos dedos que tece as tramas das bordadeiras de Barra Longa (MG) enreda uma história que entrelaça a busca pela identidade, barreiras, resiliência e superação. A tradição de técnicas únicas que passaram por gerações resistiu, em 2015, ao rompimento da barragem de Fundão, em Mariana. Em 2017, com a formação de um coletivo de mulheres, ganhou novo fôlego.  2018-04-27 - Tags: fundacao renova bordadeiras de barra longa spfw 2018 ronaldo fraga hotel ronaldo fraga richelieu bordados artesanato

Uniforme escolar: Normas da ABNT orientam a confecção
Nas 272 normas publicadas pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) no âmbito do Comitê Brasileiro de Têxteis e do Vestuário (ABNT/CB-017), confeccionistas encontram informações que conduzem à produção de artigos com qualidade, conforto, resistência e durabilidade.  2018-02-05 - Tags: abnt comite brasileiro de texteis e do vestuario associacao brasileira de normas tecnicas segurança de roupas infantis abnt nbr 16365 uniforme escolar

Retrospectiva: Comidas de vestir
Caroline David, historiadora de arte contemporânea e chefe de Artes Visuais da exposição Lille 3000, fala com exclusividade à ITT sobre o projeto Textifood, que acontece na cidade francesa de Lille e apresenta criações de designers e artistas sobre fios, fibras e tecidos construídos a partir de materiais orgânicos e sobras de alimentos, entre eles, frutas cítricas, banana e até cerveja!  2017-12-15 - Tags: caroline david textifood futurotextiles lille3000 expo 2015 retrospectiva

Histórias de pacientes se transformam em roupas únicas e repletas de significados
A Faculdade Santa Marcelina (FASM) realizou, nesta última quarta-feira (29), mais uma edição do “Icesp fashion day”, evento produzido em parceria com o Icesp (Instituto do Câncer do Estado de São Paulo) e que teve como principal objetivo conscientizar sobre a importância do diagnóstico precoce do câncer, doença que atinge aproximadamente 596 mil pessoas no Brasil.  2017-12-05 - Tags: faculdade santa marcelina fasm icesp fashion day icesp ykk walquiria caversan

Couro de peixe Pirarucu: uma nova descoberta do mundo sobre o Brasil
Quando a coordenadora de pesquisa e desenvolvimento da marca Salvatore Ferragamo, Gel Egger Ceccarelli, anunciou o couro vencedor do PV Awards 2017 – premiação que elege os melhores materiais para o desenvolvimento de moda premium da feira Première Vision Paris – possivelmente poucas pessoas na plateia de jornalistas e designers de grandes brands mundiais soubessem o quão notável era aquela pele.  2017-11-16 - Tags: pirarucu gel egger ceccarelli pv awards 2017 nova kaeru john malkovich couro cicb

Salvar o planeta! Acena o verão 2019/2020
No dia 25 de outubro, em Milão, a coordenação de moda do Milano Unica, o mais importante salão têxtil e acessórios de moda, reuniu profissionais da moda italiana como: expositores, casas de moda, designers, escritórios de estilo e, pela primeira vez, estudantes de moda, para apresentar as direções da temporada primavera/verão 2019.  2017-11-10 - Tags: milano unica tendencias verao 2020 jacques cousteau rudolf nureyev maasai

Moda para pensar o mundo
A moda pode ser abordada como meio de expressão de "arte contemporânea"? Pode servir para pensar a realidade? Na sua busca pela transversalidade na arte, a BIENALSUR – Bienal Internacional de Arte Contemporânea - diz que sim.  2017-11-07 - Tags: bienalsur ronaldo fraga xenofobia genesis memorial da america latina

Cia do Jeans agrega a marca Enrico Rossi
A marca Enrico Rossi, especializada em polos masculinas, agora faz parte do grupo Cia do Jeans. O grupo arrendou a marca catarinense no final deste ano e pretende expandir a distribuição para outras regiões.  2017-01-09 - Tags: cia do jeans enrico rossi vilejack varejo

Minas Trend incrementa negócios
Mediante cenário econômico instável, fabricantes e compradores apostaram na 18ª edição do Minas Trend, verão 2017, para maximizar investimentos e ganhar competitividade. Com fomento da Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Codemig), o salão de negócios conseguiu potencializar ainda mais vendas, promoção e acessibilidade de empresários.  2016-05-01 - Tags: minas trend itt 102 verao 2017 minas gerais

O denim invade a camisaria
Hudtelfa apresenta a Hunique, coleção ancorada no índigo que oferece ineditismo e inovação ao mercado  2014-05-29 - Tags: itt 93 produto direcionamento hudtelfa