Language
home » moda & varejo » moda vestuário » mercado

Mercado

Tamanho do texto  A A A
Compartilhar

O novo perfil do Designer de Moda para a Indústria 4.0

A Quarta Revolução Industrial traz mudanças estruturais nos processos de produção das empresas e mexe com o perfil dos profissionais. E o setor têxtil e de vestuário é um dos pioneiros nessa transformação.  Para acompanhar essa mudança, inclusive de maquinário, o profissional que cria moda precisa se reinventar, incorporando a tecnologia digital na concepção e fabricação das peças. Surge, assim, o Designer de Moda 4.0.  Roupas inteligentes e pensadas para os diversos públicos consumidores que compõem a sociedade são uma tendência dentro dessa nova realidade. O antropólogo e pesquisador de consumo e tendências Marcelo Ramos, que é o curador do SENAI Brasil Fashion (projeto de educação profissional desenvolvido pelo SENAI CETIQT), fala sobre as novidades. “Dentro do novo contexto da Indústria 4.0, cada profissional deve desenvolver competências socioemocionais ou softskills, que englobam a capacidade de trabalhar em equipe, criatividade e empreendedorismo, essenciais para obter ganhos de produtividade e eficiência em empresas cada vez mais horizontalizadas e flexíveis”, sinaliza Ramos. 

É fato que a Indústria 4.0 não está pronta, mas em processo avançado de construção. Os especialistas acreditam que essa integração do mundo físico com o virtual por meio da Internet das Coisas (IoT, das iniciais em inglês), Big Data e Inteligência Artificial esteja em pleno funcionamento daqui a 10 ou 15 anos. Muitos já avançaram bastante nesse caminho, como Estados Unidos, Alemanha, Coreia do Sul e China, países onde já é possível ver movimentações em torno da reciclagem de materiais para transformação em fibras têxteis. Alguns exemplos: tecidos feitos com reaproveitamento de resíduos plásticos e redes de nylon descartados nos mares; além de fios feitos da caseína do leite, da borra de café, de soja e de semente da mamona.

A grande promessa de boom tecnológico fica em torno da Wearable Technology – ou Tecnologia Vestível –, que são roupas e acessórios confeccionados com materiais inteligentes, que captam a energia solar e cinética para alimentar os wearables instalados na trama do tecido. Essa tecnologia poderá ser usada, por exemplo, na área biomédica, para monitorar a saúde das pessoas; ou no ramo esportivo e fitness, com tramas com sensores que monitoram e auxiliam os exercícios físicos, como um personal trainer de inteligência artificial. Há também as roupas que mudam de cor com um simples toque. 

“Toda essa movimentação mundial se dá em razão da mudança de comportamento do consumidor, que está cada vez mais diversificado, experiente e exigente. O Designer de Moda precisa, então, pensar em como atender a esse público, pois embora a tecnologia já permita maior aproximação desses profissionais com os consumidores, eles ainda estão distantes do significado que essa diversidade representa e o que isso pode significar em termos de produtos e mercado”, explica o pesquisador. 

Para que esse futuro comece a ser encarado como realidade e os profissionais da moda possam se preparar, o SENAI CETIQT lança, no próximo dia 18, o Fashion Lab, um espaço colaborativo para a realização de experimentos que utilizam tecnologias inovadoras destinadas à Indústria da Moda. Nele, players de todos os elos da cadeia têxtil e de confecção poderão planejar, desenvolver, construir e validar novos projetos e produtos. No espaço haverá impressoras 3D e 4D multimateriais, cortadora a laser, cortadora de vinil, fresadora de alta precisão, máquina de costura de ultrassom, plotter da Audaces; além de outros recursos. Será possível também realizar projetos de manufatura aditiva, fabricação digital para desenvolvimento de produtos, acessórios, aviamentos, calçados, entre outros. Já em outro ambiente ficará a Fábrica Modelo, com maquinário completo e novas tecnologias para experimentação de técnicas mais enxutas de confecção. 

“Um laboratório aberto é uma novidade para o setor. Estamos incutindo uma nova mentalidade, de colaboração, aproveitando a expertise de diversos profissionais, criando, assim, um setor mais fortalecido e inovador, pronto para atuar na Indústria 4.0”, explica o gerente do Instituto SENAI de Tecnologia em Têxtil e Confecção do SENAI CETIQT, Fabian Diniz.  

O ambiente terá também um espaço de coworking, onde profissionais, empresas e estudantes do SENAI CETIQT (ativos e egressos) poderão trocar experiências e até mesmo encubarem uma ideia, seja para o desenvolvimento de soluções, novos produtos, ou estratégias de sustentabilidade, por exemplo. 

O Portal Textília.net não autoriza a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo aqui publicado, sem prévia e expressa autorização. Infrações sujeitas a sanções.

Fonte: Ex-Libris Comunicação Integrada
Fotos: Divulgação

Data de publicação: 14/12/2018

Conteúdo relacionado


Varejo de SP cresce 1,4% na 1ª quinzena de junho, diz ACSP
O movimento de vendas do varejo da capital paulista cresceu em média 1,4% na primeira quinzena de junho de 2019, frente ao mesmo período de 2018, segundo o Balanço de Vendas da Associação Comercial de São Paulo (ACSP). A média resulta das altas de 2% do sistema a prazo e de 0,8% do sistema à vista.  2019-06-19 - Tags: associacao comercial de sao paulo acsp marcel solimeo varejo mercado sao paulo

Escolaridade tem influência na formalização dos negócios no Brasil
O empreendedorismo no Brasil ainda é uma atividade profundamente marcada pela informalidade. Dados do IBGE apontam que dos 28,4 milhões de donos de negócio no país, cerca de 2/3 afirmam não possuir CNPJ. Estudo inédito do Sebrae, com base na Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD/IBGE), mostra que essa informalidade é determinada por aspectos estruturais, em especial o nível de escolaridade.  2019-06-19 - Tags: empreendedorismo educacao informalidade escolaridade sebrae cnpj

Haco anuncia investimentos de mais de 20 milhões em fábricas de Santa Catarina
A Haco investirá mais de R$ 20 milhões nas fábricas em Santa Catarina. O investimento ampliará a capacidade da empresa em função do crescimento das vendas nos últimos anos. Uma parte do orçamento será para a aquisição de dezenas de novos teares para a produção de etiquetas tecidas de alta definição.  2019-06-07 - Tags: haco santa catarina parque fabril alberto conrad lowndes investimento jeanswear luciano mondini projeto rfid

Instituto C&A apoia primeiro fórum internacional de moda sustentável do país
Na semana do Meio Ambiente, o Instituto C&A estará presente no primeiro fórum internacional de moda sustentável do Brasil. O Rio Ethical Fashion (REF), idealizado pela estilista Yamê Reis, acontecerá entre os dias 6 e 8 de junho, no IED Rio e no Oi Casa Grande, ambos no Rio de Janeiro. O intuito do evento será debater, criar parcerias, inspirar e difundir os valores da sustentabilidade na moda brasileira.  2019-05-31 - Tags: agenda moda brasil c&a foundation rio ethical fashion meio ambiente yame reis fashion for good giuliana ortega

Famílias de baixa renda representam 49% do consumo de roupas e calçados esportivos no Brasil
Os consumidores brasileiros menos favorecidos, com rendimentos familiares mensais de até R$ 2.489, estão comprando cada vez mais calçados e roupas esportivas. Em 2016 eles representavam 42% das vendas, índice que saltou para 49% em 2018, como revela o monitoramento contínuo do The NPD Group (www.npd.com) com shoppers em todo o país.  2019-05-29 - Tags: baixa renda roupas esportivas npd group consumo mercador esportivo

Grupo Malwee seleciona startups para inserir varejo de rua no mundo digital
O Grupo Malwee lançou chamada no Edital de Inovação para a indústria a fim de selecionar projetos inovadores apresentados por startups. Serão escolhidas até cinco propostas que utilizem ferramentas destinadas a oferecer uma experiência de compra diferenciada e inovadora, como a inserção de lojistas multimarcas no mundo digital.  2019-05-28 - Tags: sebrae grupo malwee edital de inovacao institutos senai de tecnologia new retail illan sztejnman

Senai Cetiqt desenvolve ponto de vendas em realidade virtual
É fato que os consumidores estão, cada vez mais, preferindo as compras virtuais às físicas. Até 2021, segundo uma pesquisa do Google, 67,4 milhões de pessoas farão sua primeira compra pela Internet. E se ao invés de elas apenas escolherem peças estáticas em uma página de internet pudessem passear virtualmente por uma loja de verdade?  2019-05-24 - Tags: senai cetiqt ponto de experiencia de consumo angelica coelho ponto de vendas realidade virtual

Estudo do SIS/Sebrae analisa setor de confecção de Santa Catarina
O Sistema de Inteligência Setorial (SIS) do Sebrae realizou um estudo sobre o setor de confecções de Santa Catarina, apontando diretrizes que possibilitam um planejamento estratégico para a região até 2021. O segmento de vestuário é bastante representativo no estado, respondendo por 18,8% dos empreendimentos industriais e por 21,8% dos empregos na indústria.  2019-05-17 - Tags: sistema de inteligência setorial sebrae santa catarina vale do itajai fiesc comercio exterior

Acostamento investe 20 milhões em nova fase e aposta na geração Z
A Acostamento, grife brasileira de moda premium, apresenta na Feira Ópera o seu reposicionamento de marca e a nova coleção Verão 2020 da Acostamento Young, sua marca destinada exclusivamente até então ao público jovem, com um estande de 50m2 no principal corredor do evento.  2019-05-17 - Tags: acostamento moda premium grupo pasquini feira opera feira b2b acostamento young teenager geracao z igk

Projeto visa tornar Goiás o principal polo de moda produtor e distribuidor do país
Nos últimos anos, o Centro-Oeste vem aumentando sua força no segmento de confecções e no de distribuição, já que a região da 44, importante polo de moda atacadista, já figura entre as três principais do país. No entanto, para alcançar o principal posto do Brasil, tanto na distribuição quanto confecção, é preciso haver uma ação integrada, em várias frentes, desde a capacitação de mão de obra para produção até distribuição.  2019-05-14 - Tags: projeto goias na moda codese grupo mega moda feira hippie ovg goias

ABVTEX atua na promoção do trabalho digno na cadeia da moda
No mundo da moda há discussões aprofundadas sobre sustentabilidade, consumo consciente e inovação, entre outros temas, porém, se faz cada vez mais importante a conscientização às condições de trabalho na cadeia produtiva de artigos de confecção e calçados.  2019-05-02 - Tags: abvtex condicoes de trabalho programa abvtex edmundo lima cadeia produtiva textil

Os desafios de gerir operações de varejo na era digital
Gerir uma operação de varejo no Brasil não é desafio para qualquer um. Além dos diversos desafios fiscais, tributários e jurídicos, o consumidor informado e digitalizado exige cada vez mais experiências incluídas nas jornadas de consumo.  2019-04-26 - Tags: marketing cloud personalization platforms product information manager customer data platform minimum viable product

Senai Cetiqti abre inscrições para o Programa de Mentoria 2019
Qual estudante não gostaria de, no final da faculdade, contar com a ajuda de um profissional experiente dando orientações fundamentais para a carreira? Esta é a proposta do Programa de Mentoria 2019 do SENAI CETIQT, que está com inscrições abertas até o dia 25 de abril.  2019-04-18 - Tags: programa de mentoria 2019 coordenacao de inovacao educacional senai cetiqt bernardo queiroz design de moda engenharia quimica

Varejo de moda tem desempenho positivo em março
Em enquete realizada mensalmente pela Associação Brasileira do Varejo Têxtil (ABVTEX), que representa cerca de 90 grandes marcas do varejo brasileiro, 80% das associadas reportaram resultados de vendas melhores em março em relação ao mesmo mês de 2018.  2019-04-16 - Tags: abvtex associacao brasileira do varejo textil varejo brasileiro edmundo lima

Goiânia precisa ser também um centro de criação de moda
Criar um movimento de identidade própria para continuar em ascensão e se consolidar como um centro, não só de confecção, mas de criação de moda. Essa foi a avaliação dos especialistas do universo fashion de Goiás, que foram convidados como debatedores para um bate-papo sobre os desafios da moda goiana.  2019-04-12 - Tags: nelia finotti espaco integrado de moda goiania shopping estacao da moda

Grupo Morena Rosa faz aquisição da marca Iódice
O Grupo Morena Rosa, empresa paranaense especializada em varejo de moda, acaba de anunciar a aquisição da tradicional label paulistana Iódice. As empresas mantêm contato desde 2010 e por diversas vezes falaram sobre possíveis parcerias. Essa aproximação facilitou a negociação, finalizada no início de 2019.  2019-04-10 - Tags: iodice grupo morena rosa morena rosa maria.valentina zinco lucas franzato

Sebrae orienta empreendedores da moda no Minas Trend
Temas estratégicos para os negócios da moda serão discutidos nos meetups promovidos pelo Sebrae durante o Minas Trend Primavera Verão 2020, de 9 a 12 de abril, no Expominas em Belo Horizonte. Serão cinco encontros, realizados nos dias 9, 10 e 11 de abril, no lounge do Sebrae, no Expominas. Os meetups são abertos ao público do evento, com entrada gratuita.  2019-04-10 - Tags: meetup sebrae minas trend primavera verao 2020 sebrae evento

Grupo Kyly em busca da internacionalização
O grupo Kyly está no mercado desde 1985 e produz confecções de alto valor agregado. Pelo terceiro ano consecutivo, o Brasil avançou de forma significativa no ranking do Doing Business, relatório produzido pelo Banco Mundial que analisa o desempenho do comércio exterior. O país subiu 33 posições, ou seja, passou da 139ª para a 106ª.  2019-04-05 - Tags: kyly nilon fio fiacao vestuario infantil claudinei martins doing business

Indústria de vestuário dos EUA se reúne em Honduras
Realizado em Honduras, evento “Who is Who” se consolida como plataforma para marcas e varejistas de roupas dos Estados Unidos e Europa.  2019-04-05 - Tags: rede de produtores de vestuario da america aapn vestuario produçao who is who steve cochran david ha aaron ledet ricardo pettenati

A inovação tecnológica como aliada da competitividade
Integração de tecnologia, educação e inovação abre novas perspectivas para a indústria da moda se tornar mais criativa, ágil e eficiente.  2019-04-05 - Tags: tecnologia inovaçao criativa textil industria textil senai cetiqt design de moda instituto senai ligia xavier fabian diniz