Language
home » moda & varejo »

Marketing

Tamanho do texto  A A A
Compartilhar

Industria do vestuário investe em inovação

Desfile da estilista Lucia Figueredo na última edição do evento.

Investir no mercado interno é uma das alternativas que o setor têxtil e do vestuário tem adotado para minimizar os efeitos da crise financeira mundial. Dados do Instituto de Estudos e Marketing Industrial (Iemi), de São Paulo, mostram que mais de 95% de toda a produção brasileira do vestuário é comercializada dentro do próprio país. “Seguimos o modelo de produtor/consumidor. A inovação em produtos e serviços, a busca de novos segmentos consumidores e mercados regionais e a ampliação dos canais de distribuição, além de investir no mercado interno, são formas de crescer e conquistar mercados”, afirma Marcelo Prado, sócio-diretor do Iemi.
As indústrias do Paraná já seguem a tendência nacional e procuram agregar valor aos produtos em busca de novos mercados. “O Paraná é um grande produtor de marcas, com produtos de altíssima qualidade. Uma forma de minimizar a concorrência é produzir moda, e não somente roupas. É isso que o empresário paranaense tem feito para minimizar os efeitos da crise”, diz Marcos Tadeu Koslovski, presidente do Sindicato da Indústria do Vestuário do Paraná (Sivepar) e coordenador do Conselho Setorial da Indústria do Vestuário da Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep), um dos promotores do 3º Paraná Business Collection (PBC), que acontece de 25 a 29 de maio no Cietep, em Curitiba. O evento de moda e negócio, também promovido pelo Sebrae/PR, está em sua terceira edição e reunirá desfiles, showroom de negócios e uma programação paralela que inclui o 6º Prêmio João Turin e o Ciclo de Atualização em Moda, além de exposições, palestras, debates e uma oficina de moda. O principal objetivo é consolidar o Paraná não somente como polo da indústria de vestuário e confecção no Brasil, mas também como referência em moda.
Dados do Departamento Econômico da Fiep mostram a dimensão da indústria têxtil e do vestuário no Estado. As 5.400 indústrias, a maioria micro e pequenas empresas, empregam mais de 89 mil trabalhadores, o que representa 6,8% de todos os empregados do setor no País. No Paraná, o setor é o segundo que mais emprega entre toda a indústria do Estado.
De acordo com diretor do Sinditêxtil (Sindicato das Indústrias de Fiação e Tecelagem), Adilson Filipaki, o Paraná tem muitas marcas diferenciadas, mas que são pouco comentadas no mercado da moda. “Isso é devido à falta de visibilidade”. Segundo ele é necessária uma maior participação das empresas em desfiles e eventos do gênero para que as etiquetas paranaenses possam ser fixadas na mente de lojistas e consumidores finais. “Nossos produtos têm, muitas vezes, maior penetração de mercado do que marcas de São Paulo e Rio de Janeiro, mas não têm tanta visibilidade por não participarem de um número maior de desfiles”, diz.

Costureiras estão entre os 89 mil trabalhadores que a cadeia têxtil paranaense emprega, segundo a FIEP.

A opinião de Filipaki é compartilhada por Edson Campagnolo, vice-presidente da Fiep e industriário na Região Sudoeste. “Cerca de 70% das empresas do Sudoeste são prestadoras de serviço, ou seja, somos fornecedores para grandes marcas. Muitas roupas da TNG, por exemplo, são produzidas na região, mas ninguém fica sabendo, porque na etiqueta está a marca da TNG”, diz, ressaltando que as empresas precisam criar marcas próprias para se consolidarem no mercado.
“A concorrência sempre vai existir, por isso temos que diferenciar nossos produtos. Quem fabrica roupas simples, em grandes quantidades, para distribuição em massa com certeza sofrerá com a concorrência chinesa. Em Maringá, estamos trabalhando com produtos para as classes A e B, que exigem um produto diferenciado, com bom acabamento, costura, design, tecidos diferenciados, que fuja do básico e siga as tendências da moda”, afirma Carlos Roberto Pechek, presidente do Sindicato das Indústrias do Vestuário (Sindivest) de Maringá.

 

Mercado externo
O Brasil, e consequentemente o Paraná, exporta principalmente fios de seda, fios de algodão, tecidos de algodão e sintéticos, que possuem baixo valor agregado. Em 2007, o país ocupava a 7ª posição no ranking dos exportadores de têxteis e a 6ª na exportação de vestuário. Dados do Departamento Econômico da Fiep apontam que no Paraná as exportações do setor têxtil e vestuário tiveram uma variação de -18,51% no primeiro quadrimestre do ano, se comparado com o mesmo período de 2008.
Na avaliação de Ardisson Naim Akel, presidente do Sindivest – Curitiba, a queda nas exportações traduz a realidade brasileira, que trabalha com custos elevados de produção. “No sudeste asiático, Turquia e Leste Europeu a mão-de-obra é muito mais barata, o que aumenta a concorrência”, afirma Akel, que também coordena o Conselho Temático de Comércio Exterior da Fiep. Para Akel, a pouca inserção no mercado externo deve-se, primeiro, à concorrência e, em segundo lugar, à pouca visibilidade das marcas paranaenses no exterior. “Estamos tentando criar o conceito de moda, fashion e estilo. Queremos fazer com que o Paraná seja reconhecido como centro produtor de moda. Visibilidade e conceito se traduzem em mercado, ou seja, melhorando a condição da marca, vamos agregar maior valor ao produto e, consequentemente, aumentaremos a exposição”, destaca, citando marcas paranaenses como Lafort, Lucia Figueredo e Osmoze, que são conhecidas no mercado nacional, mas não no internacional.
O presidente do Sinditextil, Marcelo Surek, ressalta que as empresas precisam, em primeiro lugar, se fortalecer internamente, para então investir na exportação. “Já estamos produzindo produtos diferenciados, que aliam design e estilo. O principal desafio agora é consolidar as marcas paranaenses no mercado interno”, defende.

 

 
 
 
 
 
 
 

Edição: Márcia Mariano
Fonte: FIEP
Fotos: Gilson Abreu e Paraná ONLINE

Data:
25/05/2009

 

O Portal Textília.net não autoriza a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo aqui publicado, sem prévia e expressa autorização. Infrações sujeitas a sanções.

Data de publicação: 26/05/2009

Conteúdo relacionado


Campanha de Inverno 2017 da Coca-Cola Jeans
Coca-Cola Jeans apresenta Sasha Meneghel, Di Ferrero, Dux, Carolina Oliveira e Alicia Kuczman em sua campanha de Inverno 2017.  2017-02-22 - Tags: coca cola sasha meneghel di ferrero dux carolina oliveira alicia kuczman jeans

Musicalidade, sensualidade e atitude em campanha
A Colcci apostou em um novo rosto para sua campanha de inverno 17. É a modelo alemã Anna Ewers, a nova musa da moda internacional.  2017-02-20 - Tags: colcci campanha new face sensualidade musicalidade atitude

Urbano e Folk inspiram o Outono 2017
Marca Hering traz coleção com aspecto jovem e influência boho  2017-02-17 - Tags: hering colecao boho heringo for you masculina moletom jogger

Vestidos de festa - confira 10 tendências para usar neste Verão
Com os dias quentes feitos no Verão, fica difícil escolher um look bonito, moderno e fresco para ir a um casamento, uma formatura ou uma festa de gala. Por isso, as irmãs Renata e Camila Serra, sócias da Closet Me, separaram algumas dicas para tornar a tarefa mais fácil.  2017-02-17 - Tags: gala casamento festa tendencias verao

Empreendedores lançam startup de moda sustentável
Becauz vai destinar recursos para ações e projetos que melhorem a vida de milhares de pessoas  2017-02-17 - Tags: becauz startup moda sustentavel recursos projetos

Première Vision Paris apresenta as direções para Primavera/Verão 2018
Na última edição da Première Vision Paris, ocorrida entre 7 e 9 de fevereiro de 2017, as direções para a primavera/verão 18 encontraram clara expressão nos diversos fóruns e várias conferências de moda.  2017-02-17 - Tags: premiere vision paris ss18 primavera verao 2018 tendencias moda paris tecidos texteis acessorios de moda

Comitê Brasileiro de Cores escolhe Lápis Lazuli como a cor de 2018
Durante a ABUP Show, que aconteceu de 10 a 13 de fevereiro, o Comitê Brasileiro de Cores apresentou a cor Lápis Lazuli, a primeira das 36 cores da cartela CECAL 2018.  2017-02-15 - Tags: lapis lazuli cbc comite brasileiro de cores elizabeth wey zygmunt bauman cecal cores liquidas

Campanha Defining Moments por Ermenegildo Zegna
Ermenegildo Zegna revelou sua campanha SS17 Defining Moments, estrelando Robert De Niro, com um jantar VIP íntimo organizado por Gildo Zegna e Alessandro Sartori na residência privada de Peter Brant, Soho.  2017-02-14 - Tags: ermenegildo zegna moments defining campanha robert de niro new york nova iorque jantar

Marca para noivas anuncia diversificação de segmentos
Atelieria terá linhas como a Luxury Beach, com o concept lifestile praiano; a Just Party, de roupas de festas com combinações de tecidos e estampas e a Home, com peças sofisticadas e diferenciadas das encontradas nas lojas de decoração brasileira.  2017-02-09 - Tags: noivas segmentos diversificacao decoracao estampas home luxury beach

Estilista e modelo internacionais em ato solidário
Venda de look desfilado na Semana de Moda de NY auxilia crianças com câncer no Brasil  2017-02-07 - Tags: cancer modelo estilista internacionais look semana de moda ny brasil

Coleção de carnaval
Seguindo a tradição foliã, a FARM lança sua coleção de carnaval, que acaba de chegar às lojas físicas.  2017-02-07 - Tags: farm colecao carnaval pirata beija flor deusa da chuva fantasia

Novas formas de consumo abrem portas para a criação de roupas multifuncionais
Relatório do Sistema de Inteligência Setorial do Sebrae aponta como consumidores mais conscientes têm dado espaço para o surgimento de um novo nicho de mercado – a moda reversível  2017-02-06 - Tags: sebrae relatorio sistema de inteligencia setorial conscientes moda reversivel

Divulgadas empresas de moda selecionadas para incubação
A C&A em parceria com a Malha anuncia as dez marcas que foram selecionadas, por meio de edital, para participação no projeto Malha + C&A: Aposta.  2017-02-03 - Tags: malha cea marcas aposta edital empresas selecionadas

Marcelo Sommer é o novo consultor criativo da Chilli Beans
A Chilli Beans, maior marca de óculos e acessórios da América Latina, anuncia o novo integrante da equipe de design. O estilista Marcelo Sommer, da Oliveira, começa 2017 com um novo desafio: consultor do departamento, trabalhando ao lado de Caito Maia, fundador, e Marcel Gignon, gerente da área.  2017-01-16 - Tags: chilli beans oculos marcelo sommer consultor caito maia marcel gignon

Mercado Livre anuncia Fernando Jacobucci como novo head de Moda
- O Mercado Livre Brasil anuncia a contratação de Fernando Jacobucci como novo head da categoria de Moda, que abrange os produtos relacionados a Saúde & Beleza, Esportes & Fitness e Roupas & Acessórios. O executivo chega com o desafio de impulsionar ainda mais a categoria, que cresceu acima dos 40% em 2016 quando comparado ao ano de 2015.  2017-01-16 - Tags: mercado livre moda fernando jacobucci novo head anuncia produtos saude beleza esporte fitness roupas acessorios